segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Paphiopedilum maudiae






Floração Agosto 2014
com 2 flores.

Este belo híbrido, com as suas características únicas e invulgares, em tons de verde e branco, é um cruzamento entre o Paphiopedilum callosum e o Paphiopedilum lawrenceanum, que chega a florescer duas vezes por ano, com uma única flor por haste. As suas exigências de cultura são idênticas às da maioria das espécies deste gênero.

Cultivo:
Substrato
A maioria dos phaphiopedium são plantas terrestres, no entanto a maioria dos cultivadores sugerem o uso de substrato para orquídeas epífitas. No entanto, como são plantas que não possuem pseudobulbos para armazenamento de reservas de água, seu substrato deve conter pelo menos um elemento que auxilie na manutenção da umidade, como o sphagno.
Tenho cultivado os meus em vaso de plástico, com brita zeros, terra preta misturada com substrato para orquídeas epífitas.

ventilação:
Apreciam ambiente bem arejado, evitando o acumulo de muitos vasos um perto do outro. Os meus ficam pendurados e espaçados no orquidário.

Temperatura:
Como existem  várias espécies deste gênero, dependerá da altitude em que eles originariamente habitam.
Os meus são de clima intermediário a frio.

Regas:
Devem ser regados de forma a manter o substrato sempre úmido, evitando acumulo de água nas folhas.

Luminosidade:
Os phaphiopedilum vegetam melhor com um sombreamento em torno de 60% a 70%. As plantas de folhas rajadas necessitam de menos luz que as de folhas verdes e lisas.

……

DICA: sugiro uma visita ao site abaixo, nele o Professor André apresenta a classificação dos phaph. de acordo com o clima de cada um, além de um belo trabalho de pesquisa.

http://www.clubedoorquidofilo.com.br/2012/04/paphiopedilum.html


4 comentários:

Penha Pauli disse...

Vendas? ?

Penha Pauli disse...

Faz vendas?

MGloriaM disse...

Penha, não tenho leque suficiente para venda.

Eliane Ap Lima disse...

Amei suas informações brigadinha!!!